visite a galeria de fotos brasillm.com/gallery

últimas imagens enviadas
14.12.20

As cantoras da Little Mix estão entre as estrelas que foram reconhecidas por seu trabalho em prol da igualdade racial no Reino Unido.

É particularmente comovente este ano, dada a proeminência do movimento Black Lives Matter, que virou uma revolta global em 2020 após a trágica morte de George Floyd nos Estados Unidos.

Enquanto aceitavam o prêmio, Leigh-Anne disse:

Eu só quero dizer um enorme obrigado por terem votado para que eu e a Jade ganhássemos o prêmio de igualdade, é absolutamente incrível.  Eu me sinto tão emocionada e grata por ter recebido um prêmio como esse, vou continuar usando minha plataforma para continuar falando sobre raça e lutar por essa causa. Eu realmente sinto que tem tantas pessoas espalhadas por aí que estão ao nosso lado para mudar e lutando por isso. Infelizmente, isso não está sendo falado nas redes sociais ou em notícias, então este prêmio é para eles.

Jade acrescentou:

É importante para nós, como duas mulheres de cor na indústria da música, compartilhar nossas experiências na esperança de inspirar nossos jovens fãs a se orgulharem de quem são e de fazer a diferença neste mundo. […] Este ano nos levou a uma jornada educacional por colocar palavras em ações e usar nossa voz para realmente tomar uma posição. Estou muito orgulhosa da minha irmã Leigh e estou muito, muito feliz por podermos compartilhar essa conquista juntas.

O Ethnicity Awards anual, é um evento realizado em associação com os patrocinadores da HSBC UK. Foi apresentado pelo apresentador de TV e ex-jogador de futebol Alex Scott. Leigh-Anne se abriu sobre o racismo que ela vivenciou sendo a única cantora negra da girl band onde, segundo ela, a mesma se sentia invisível.

A cantora de Woman Like Me disse no programa de TV, This Morning:

Eu simplesmente senti que algumas pessoas não se importassem tanto, como se elas não estivessem ouvindo o suficiente. Obviamente, essa é a primeira vez na minha vida que o mundo inteiro fala sobre racismo, fala sobre a vida dos negros. Estou tão impressionada com isso e pensei: ‘sinto que preciso me livrar dessa dor que tenho carregado por nove anos, e também espero conhecer mais pessoas’.

Jade também revelou que sofreu racismo enquanto crescia devido à sua raça mista.

Tradução e Adaptação: Equipe BRLM | Fonte: Metro UK

Salvo em: Entrevistas | Eventos | Noticias
Little Mix Brasil • Hospedado por Flaunt • Layout por Lannie D &